Veja o incrível vídeo do mais recente naufrágio de Nassau

A lendária operação de mergulho de Stuart Cove’s Dive Bahamas afundou, no último dia 6/7, mais um barco nas águas de Nassau. O naufrágio Yellow Elder tem 33 metros de comprimento, e fez uma descida controlada para o fundo do oceano, criando um novo recife artificial, atração para os mergulhadores que visitam o Stuart Cove’s Dive Bahamas.

Construído na Inglaterra, em 20 de novembro de 1986, o Yellow Elder foi usado pela Guarda Costeira das Bahamas (Royal Bahamas Defense Force) para combater imigração ilegal, caça furtiva e contrabando de drogas. Realizou inúmeras buscas antes de se tornar inoperável, com alto custo para conserto; em 2016, a embarcação foi descomissionada.

Com décadas de experiência afundando naufrágios com segurança ao redor de Nassau, o Stuart Cove’s foi convidado para tomar posse do navio e reutilizá-lo como um local de mergulho, sem nenhum custo para o governo das Bahamas. A empresa prontamente aceitou o convite e, após remover todo óleo residual e combustível e qualquer item que pudesse causar riscos ou danos aos futuros mergulhadores, afundou o barco a aproximadamente cinco milhas ao sul de Coral Harbour, bem próxima à base do dive center.

Como parte do Programa de Recife Artificial das Bahamas, o Yellow Elder agora repousa ao lado do seu irmão Port Nelson. A frota crescente de naufrágios que se tornam recifes artificiais de corais atraem mais vidas marinhas para região e, claro, mais pessoas que procuram a emoção do mergulho.

Em quatro décadas, o Stuart Cove’s Dive Bahamas já afundou 30 naufrágios – hoje 20 deles estão ativos e ainda se desenvolvendo de maneira saudável –, que recebem milhares de mergulhadores todos os anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.