Uma grande perda para o mundo do mergulho em caverna, RIP Bil Phillips

Nessa última semana o mundo do mergulho em cavernas ficou em luto, pela perda do amigo e Explorador de cavernas Bil Phillips, que faleceu devido a uma doença no México onde residia a muitos anos

instrutor e guia, Bil Phillips. Originalmente do Canadá, Bil era um dos mais conhecidos e mais experientes exploradores de cavernas subaquáticas de Yucatán.

Um verdadeiro pioneiro na região desde 1996, registrou mais de 4.200 mergulhos de cavernas e explorou e mapeou pessoalmente mais de 200.000 metros de passagens alagadas nos cenotes da região. Ele foi o explorador principal em nada menos que 35 sistemas de cavernas subaquáticas. Em reconhecimento, ele foi eleito no The Explorer’s Club of New York como “Fellow International” no ano 2000.

Os esforços e os conhecimentos do Bil beneficiaram pesquisas científicas nas áreas de Hidrologia, Biologia, Química da Água e Geologia. Ele também contribuiu para o campo da Arqueologia, em parceria com o Instituto Nacional Antropologia e Historia (INAH – Departamento de Arqueologia do México) para analisar os artefatos pré-históricos que ele e seus colegas descobriram.

Devido à sua vasta base de conhecimento e habilidades de comunicação, Bil foi convidado a participar de vários documentários de vídeo sobre mergulho em cavernas. Ele foi até apresentado e entrevistado no documentário do History Channel, “Magellan’s Lost Fleet” filmado na Patagonia, na Argentina.

Altamente respeitado por seus colegas, Bil influenciou os padrões de educação e segurança no mergulho. Ele escreveu artigos sobre mergulho técnico e assumiu papéis de liderança em várias agências de mergulho e associações.

A paixão de Bil para a exploração e conservação das cavernas de Yucatán é acompanhada apenas pelo seu entusiasmo por treinar e orientar os outros. Este entusiasmo é inegável para quem passou algum tempo com ele. As centenas de estudantes que Bil formou são testemunhas da sua capacidade de perseguir incansavelmente os detalhes e segurança, mas mantendo a experiência de aprendizagem agradável.

Bil Phillips deixa um legado sobre a história do mergulho em caverna no Yucatán. Ele foi parte disto.

RIP Bil

Equipe Divemag

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.