Naufragado na 2ª Guerra, navio australiano é encontrado quase intacto

Uma embarcação australiana que afundou durante a Segunda Guerra Mundial foi encontrada relativamente intacta, segundo a Organização de Pesquisa Científica e Industrial da Comunidade (CSIRO, na sigla em inglês).

O SS Iron Crown, um cargueiro de minério com 100 metros de comprimento, foi atingido por um torpedo lançado por um submarino japonês em 4 de junho de 1942. O navio viajava pelo Estreito de Bass(entre a Austrália e Tazmânia) com uma carga de manganês e afundou em 60 segundos.

SS IRON CROWN AO LADO DO SS HAGEN, ANTES DO NAUFRÁGIO. (FOTO: CSIRO)

De acordo com Peter Harvey, arqueólogo marítimo da Heritage Victoria (organização do patrimônio australiano), o acontecimento é significativo porque foi um dos quatro naufrágios da Segunda Guerra Mundial que ocorreram em águas do estado de Victoria, além de ser o único navio a ter sido atingido por um submarino na região.

“Havia 43 tripulantes da Marinha Mercante Australiana a bordo do navio e 38 perderam a vida no ataque. A localização dos destroços, após 77 anos, trará um desfecho para familiares daqueles que foram perdidos no mar e para a comunidade marítima da Austrália”, afirmou Harvey, para a CSIRO.

MAPA BATIMÉTRICO MOSTRANDO A EMBARCAÇÃO NO FUNDO DO MAR (FOTO: CSIRO)

A embarcação está a cerca de 700 metros de profundidade e foi encontrada com a utilização de um sonar: “Tivemos uma visão de perto da estrutura do navio usando uma câmera drop [que é mergulhada na água]. Isso nos permitirá criar uma imagem de todo o local para auxiliar nas pesquisas de acompanhamento e para sua conservação e gerenciamento”, disse Emily Jateff, que liderou a pesquisa.

As imagens produzidas pela câmera mostram a proa intacta do navio, com grades, correntes de ancoragem e ambas as âncoras ainda em posição, bem como outras estruturas no convés. 

Um serviço memorial será planejado na região para homenagear as vítimas do naufrágio.

CÂMERA “DROP” UTILIZADA PELA EQUIPE (FOTO: CSIRO)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.